Três reflexões para o ano novo

Eu comecei esse blog em 2015 com uma ideia: precisava evangelizar. O que eu não tinha compreendido ainda, é que por mais que eu tivesse vontade, faltava ainda maturidade e principalmente humildade. Evangelizar é preciso, mas antes é necessário entender que a conversão é algo interior, algo que depende da vontade de cada um, e que não depende de nós.

Precisava entender que o Evangelho deve muitas vezes ser lido pelo outro primeiro em nós, em nossas ações.

Divulgar o Evangelho é trabalho de todos. E durante este tempo tenho descoberto que levar Jesus às pessoas é muito mais uma atitude de exemplo, de buscar Deus cada vez mais, de ser igreja e ter um encontro pessoal com Deus. Só quando nos dispomos a viver amplamente o Evangelho em nossas vidas, é que ele transborda de nós e podemos enfim, levá-lo aos outros.

Evangelizar é fazer o menino Jesus nascer primeiro em nós!

th.jpg

Imagem da internet

Por isso me afastei do blog.Li a vida de alguns santos e descobri que há tanto para aprender. Precisava buscar mais, aprender mais. Tentei reconhecer minhas fraquezas, confessar meus erros e lutar a cada momento para viver uma vida santa. Falta muito ainda. Mas o caminho, apesar de difícil e cheio de tentações, é muito saboroso. Como é bom viver em oração, como é bom sentir Jesus na santa Eucaristia, como é bom receber os sacramentos!

O blog antes de tudo para mim, tem sido uma escola. Um motivo para estudar mais e descobrir mais. A verdade realmente liberta. E a cada dia me sinto mais perto de Deus, mais livre para ser fiel à Ele. Por isso estou voltando =)

Neste novo ano que se inicia daqui a uma semana, convido você a pensar sobre três coisas. Se você responder sim a alguma delas, gloria à Deus! Se não, continue buscando em 2017. Que possamos fazer a vida boa todos os dias, sabendo que só em Deus encontramos a felicidade!

Convido você a sentar num lugar tranquilo onde não seja interrompida (o). Pode colocar uma música relaxante, ou mesmo respirar fundo uma ou duas vezes antes de começar. 

Primeiro, pensemos como foi a nossa busca por um encontro com Deus. Procuramos rezar mais este ano? Procuramos conhecer Jesus nas escrituras? Lemos alguma vez o catecismo? Buscamos compreender as verdades da Igreja, principalmente aquelas que tanto nos questionam e que muitas vezes põem em dúvida até mesmo alguns católicos?

Depois, vamos pensar no que colocamos em prática. Fomos cristãos católicos verdadeiros este ano? Fomos à missa aos domingos, quem sabe durante a semana também? Procuramos participar de todas as festas litúrgicas? Recebemos os sacramentos (confissão, comunhão)? Fomos exemplo de católicos para os outros? Como nos vestimos para ir à Igreja? E para ir ao trabalho, à casa de amigos? Quando as pessoas nos vêem, enxergam Jesus? Enxergam um católico? Ou não saberiam identificar a quem você pertence?

Por último, é a hora da decisão. O que você precisa fazer em 2017 para ser mais santa (o)? Sim, santidade é algo palpável, e pelo que devemos lutar todos os dias. Ou você acha que Jesus falaria à toa “Sede santos”? Não é um convite, não é um pedido. É uma ordem. Sejam santos. O que falta para você ser santa (o). Que pecado eu tenho cometido e que preciso mudar a partir de agora para ser mais de Deus?

Quero pedir que rezem por mim, tive muitos conflitos com amigos e familiares depois que criei o blog. Me vi sendo questionada por coisas inquestionáveis, inclusive por meu modo de vestir, por minha recusa em ir a alguns lugares, por ser contra o aborto (coisa que todo católico deveria ser e fui questionada por pessoas da Igreja), enfim. Entendi que muitas vezes precisamos nos afastar dos “amigos” para encontrarmos a Deus.

Por isso, que o Senhor nos ilumine em 2017 e a cada dia de nossas vidas, para que possamos reconhecer o que não é d’Ele e nos afastar do que nos afasta da eternidade. Que Nossa querida mãe Maria nos proteja com seu manto, para que estejamos sempre prontos a dizer não às tentações. E pedimos ao Espírito Santo que frutifique em nós, para que saibamos que mesmo quando passamos por dificuldades, o Senhor não nos desampara.

Um feliz ano novo com Jesus!

FELICIDADE_ano-novo-940x529.jpg

Imagem da internet

Anúncios
Esse post foi publicado em espiritualidade. Bookmark o link permanente.

Uma resposta para Três reflexões para o ano novo

  1. rudynalva disse:

    Jaqueline!
    O mais importante é termos sempre Deus em nossos corações e em nossas ações!
    FELIZ 2017!
    “Desejo a você e à sua família um Natal de Luz! Abençoado e repleto de alegrias. Boas Festas!” (Priscilla Rodighiero)
    cheirinhos
    Rudy
    http://rudynalva-alegriadevivereamaroquebom.blogspot.com.br/

    Curtido por 1 pessoa

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s