Costumes que perduram: comer carne na sexta-feira, pode?

135243_517982384887454_923284253_o

Moqueca de palmito e alga nori feita por mim!

Lembro que quando era criança (e não faz muito tempo), na minha casa não se podia comer carne nas sextas-feiras. Aos 17 anos me tornei vegetariana e parei de pensar nisso, já que não comia carne em nenhum dia do ano. Só que há poucos meses resolvi voltar à dieta onívora e lendo o catecismo e assistindo às palestras do Padre Paulo Ricardo, me deparei novamente com esta questão.

E qual não foi a minha surpresa: apesar de não se comentar esse assunto em muitos lugares e do costume ser evitar a carne na semana santa (especificamente na quarta de cinzas e sexta-feira santa), a legislação atual da igreja ainda determina a proibição de comer carne em todas as sextas do ano.

E sabe qual o motivo dessa proibição? Padre Paulo Ricardo responde: “Abster-se de carne e jejuar na sexta-feira é uma prática plurissecular da Igreja e tem argumentos fortes em seu favor. O primeiro deles é que todos os cristãos precisam levar uma vida de ascese. Esta é uma regra básica da espiritualidade cristã. Por meio de tal prática é que se pode alcançar com frutos a virtude da temperança, definida pelo Catecismo da Igreja Católica como sendo a “virtude moral que modera a atração pelos prazeres e procura o equilíbrio no uso dos bens criados”[01]. Ela assegura o “domínio da vontade sobre os instintos e mantém os desejos dentro dos limites da honestidade”[02]. Como a Igreja tem seus altos e baixos, tal costume se arrefeceu com o tempo e, inclusive, os fiéis passaram a se questionar acerca da obrigatoriedade da abstinência na sexta e se a não observância desse preceito se constituía um pecado mortal ou leve. Diante disso, o Papa Inocente III, no século XIII, decretou que realmente é pecado grave. E no século XVII, o Papa Alexandre VII anatematizou quem dissesse que não era pecado grave”.

Portanto, é obrigatório aos católicos não comer carne em todas as sextas-feiras do ano, a não ser que coincidam com algum dia de solenidade na igreja. Por outro lado, a CNBB afirma que o fiel católico brasileiro pode substituir a abstinência de carne por uma obra de caridade, um ato de piedade ou ainda trocar a carne por um outro alimento. Atualmente, a exigência da lei é para aqueles que já completaram catorze anos de idade e não a partir da idade da razão, como era no início, conforme o cânon 1252 do mesmo Código.

Padre Paulo Ricardo completa:  “Abster-se de carne e jejuar na sexta feira, além de fazer bem para a vida espiritual do fiel, pode ser uma ocasião de testemunho e de catequese para outros. Por fim, é importante recordar que o costume de se abster de carne na sexta-feira sempre esteve ligado à Paixão de Nosso Senhor Jesus Cristo, portanto, é mister recuperá-lo a fim de aumentar ainda mais a devoção e a própria configuração Àquele que deu seu Sangue e sua vida por amor a nós, pobres criaturas. E, assim, como não amar de volta? Como não recordar – na sexta-feira – o grande amor que salvou a humanidade?”

Como é esse costume na casa?

Aqui já foi decretado o dia do cardápio vegetariano! =)

Um abraço fraterno e até a próxima!

Pesquisa: Padre Paulo Ricardo.

Anúncios
Esse post foi publicado em igreja. Bookmark o link permanente.

3 respostas para Costumes que perduram: comer carne na sexta-feira, pode?

  1. Pingback: Dicas de cardápios para sexta | Mulheres Católicas

  2. Desde pequena sexta-feira é dia de comer peixe, nada de carne. Ultimamente como como fora de casa e muitas vezes não tem outra opção de proteína (e eu preciso por recomendação médica de carência de minerais mesmo com suplementação) acabo comendo. É bom saber que pela CNBB posso optar por caridade.

    Curtir

    • Desde pequena sexta-feira é dia de comer peixe, nada de carne. Ultimamente como almoço fora de casa e muitas vezes não tem outra opção de proteína (e eu preciso por recomendação médica de carência de minerais mesmo com suplementação) acabo ingerindo carne. É bom saber que pela CNBB posso optar por caridade.

      Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s